> Artigo relacionado

EV
celíaca, doença
A doença celíaca é uma doença autoimune, ou seja, as próprias células de defesa imunológica agridem as células do organismo, causando um processo inflamatório. Na doença celíaca, a inflamação é provocada pela intolerância ao glúten, proteína presente no trigo, cevada, aveia, centeio e seus derivados, como massas, pizzas, bolos, pães, biscoitos, ou ainda na cerveja, uísque, e vodka, provocando dificuldade do organismo de absorver os nutrientes dos alimentos, vitaminas, sais minerais e água.
Esse processo inflamatório, que ocorre na parede interna do intestino delgado, leva à atrofia das vilosidades intestinais, gerando diminuição da absorção dos nutrientes.
Sintomas como a diarreia com perda de gordura nas fezes, vômito, perda de peso, inchaço nas pernas, anemia, alterações na pele, fraqueza das unhas, queda de pelos, diminuição da fertilidade, alterações do ciclo menstrual e sinais de desnutrição, podem ser decorrente da intolerância ao glúten.
A doença que afeta homens e mulheres pode ser diagnóstica através de dosagem no sangue dos anticorpos contra o glúten, ou fazer uma biópsia do intestino, para verificar se há alterações de inflamação e atrofia das vilosidades.
Não há cura para a doença celíaca. O melhor tratamento ainda é retirar da dieta os alimentos que contenham glúten, responsável por desencadear a inflamação.
Estudos comprovam que a doença celíaca é genética. Há um componente genético bem definido, por isso ela pode acometer várias pessoas da mesma família.
A doença é mais comum em crianças com até um ano de idade, quando começam a ingerir alimentos que contenham glúten ou seus derivados. A demora no diagnóstico leva a deficiências no desenvolvimento da criança. Em alguns casos se manifesta somente na idade adulta, dependendo do grau de intolerância ao glúten. A falta de tratamento da doença pode causar o surgimento de tumores no intestino ou linfoma.
Há relatos da doença descritos na Grécia Antiga. Naquele período, as pessoas ficavam desnutridas e acabavam falecendo pelas complicações da desnutrição.

Subir