> Galería de Fotos (4 elementos)


4 Medias
   > Artigos relacionados
   > Edupédia

EV
Vietnam, Guerra do
Conflito bélico ocorrido entre 1954 e 1975, entre o regime comunista do Vietnam do Norte, apoiado pela Rússia e pela China, e o regime capitalista do Vietnam do Sul, apoiado pelos EUA. Depois da Guerra da Indochina de a França aceitar a derrota colonial, a presença dos EUA no Vietnam foi se acentuando com missões militares e com o apoio total ao regime de Ngo Dinh Diem, que se caracterizava pela luta contra o comunismo. Em contraposição à ajuda que o Governo do Norte prestava à guerrilha do Vietcong, os EUA implicaram-se quando, em 1964, apoiaram o golpe de Estado dos militares sul-vietnamitas contra o regime de Ngo Dinh Diem. No verão de 1964, o governo do presidente estadunidense Johnson, argumentando que as suas forças navais tinham sido atacadas por lanchas norte-vietnamitas no golfo de Tonquim, lançou um ataque aéreo direto sobre os núcleos industriais do Vietnam do Norte, o que oficializou a intervenção aberta dos EUA, e que se prolongaria até 1968. A presença do exército estadunidense no Vietnam do Sul chegou a 500.000 soldados, e a sua aviação bombardeou duramente o Vietnam do Norte. Apesar da teórica superioridade militar estadunidense, a luta guerrilheira do Vietcong subsistia. Em janeiro de 1968, em plena trégua geral para celebrar a festa do início de ano pelo calendário budista, as tropas do Vietcong atacaram no mesmo dia 37 cidades importantes do Sul. Em duas semanas foram ocupadas as principais cidades do Sul e também alguns bairros de Saigon. A partir daquele momento, o governo dos EUA reorientou a sua política relativamente à guerra. Suspenderam-se temporariamente os bombardeios ao Vietnam do Norte e, em meados de 1968, iniciaram-se as conversações em Paris entre os EUA, o Vietnam do Norte, o Vietnam do Sul e a Frente de Libertação Nacional. O último período da guerra, entre 1969 e 1975, caracterizou-se pela retirada progressiva dos soldados deslocados no Vietnam e pelo apoio econômico e logístico ao regime do Vietnam do Sul. No entanto, o reinício dos bombardeios da aviação estadunidense ao Vietnam do Norte levou novamente às conversações de paz e a uma tentativa de acordo, em 1975, que, no entanto, não foi aceita pelo Governo da República do Vietnam do Sul. A guerra continuou até abril de 1975, quando os exércitos do Vietnam do Norte e do Governo Revolucionário Provisório ocuparam Saigon e o governo sul-vietnamita se rendeu. O balanço da guerra pelo lado vietnamita foram cerca de 600.000 mortos entre os soldados do Sul e do Norte e guerrilheiros do Vietcong, 9.000 aldeias destruídas, grande parte do solo agrícola assolado pelas armas químicas e um incontável número de órfãos e feridos de guerra; do lado estadunidense contabilizaram-se 58.000 mortos, 300.000 feridos, além das sequelas deixadas entre os ex-combatentes e no conjunto da sociedade dos EUA.
Lançamento em paraquedas de provisões e munições para os defensores da base de Khe San, durante a Guerra do Vietnam

Subir